Você Sabe O Que é Outline?

outline

Sabemos que cada escritor tem um método de escrita que funciona muito bem, isso é algo muito particular, entretanto, não adianta ter um método, gostar dele e, ainda assim, perder alguns fios narrativos por não conseguir desenvolver a própria história. 

O Outline pode te ajudar a organizar a sua história, dividir todos os plots e subplots, e pode deixar a construção da sua narrativa ainda mais forte. 

Principalmente para escritores independentes, construir boas narrativas é muito importante para dar mais segurança no processo de autopublicação. 

O que é um Outline? 

Em tradução literal, outline significa: esboço, descrição, dar forma, contornar. Na escrita está relacionada a fazer uma geral sobre o que quer escrever de maneira organizada, um planejamento da sua história, onde você organiza aquilo que pretende construir na sua narrativa.

A maior vantagem do outline, é que você consegue organizar o que pretende escrever, e pode construir a sua história aos poucos, por categorias, e ter uma visão geral sempre que precisar. 

No marketing a técnica é muito utilizada para que definam seus targets de campanhas e promoções, pois todos conseguem fazer suas notas e marcar os seus insights sem comprometer o plano principal. 

Como desenvolver um Outline? 

Outline é o princípio da escrita, é onde você pode arrumar um pouco a bagunça, a técnica pode ser usada tanto para textos livres, literários, redações, quanto para textos acadêmicos. 

Anote a ideia de onde vai partir, suas referências, pesquisas, palavras-chave, conceitos e parta para a construção. 

Mapa Mental: 

Escolha um personagem, um tema, uma cena, um ponto essencial de sua história, escreva no centro de uma página (ou folha) em branco, com um breve resumo da importância dessa escolha (uma frase basta). Partindo daí faça linhas que saem desse centro com os pontos importantes da sua escolha destacados. Nessas linhas você pode escrever por que aquele é importante, como vai se desenvolver, com quem vai se encontrar, quem é, por que está na história, tudo o que quiser mesmo. 

Essas indicações, podem puxar outras menores, pequenos acontecimentos, inserção de novos personagens, temas menores que devem fazer parte do conjunto, dividir os tempos… Para ficar mais fácil de entender, aqui está um exemplo:

Muitos autores conseguem desenvolver melhor o clímax de suas histórias por esse método. 

Post-its ou Fichas: 

Decidido o tema central, como falamos mais acima, você vai dividir suas ideias em uma linha do tempo e de personagens, ou de pesquisa – nos casos de textos acadêmicos, e preencher nas fichas a ordem em que pretende ver os acontecimentos se desenvolverem, os subplots que pretende esperar, quais personagens precisarão de um desenvolvimento maior, menor, quem serão, o cenário onde tudo acontecerá, etc., você decide o que escrever.

Coloque essas fichas numa ordem em que consiga enxergar o todo, assim você consegue saber onde está a história e qual a condução que pretende abordar. De onde vai partir e para onde pretende ir. É um excelente método para quem pretende desenvolver uma história com muitos núcleos ou com mais de um volume. 

Você não precisa fazer isso em folhas de papel se não quiser, pode usar programas como Trello, Asana, Pódio ou o de sua preferência. O importante é conseguir enxergar o todo. 

Três Atos: 

É uma das formas mais conhecidas do outline, basta saber o seu ponto de partida e ir trabalhando os acontecimentos e personagens, ou pesquisas, dentro de cada ato. 

Ato 1: O começo, de onde parte? Para onde vai? Por quê? O que o conduz até o local? Qual o local? Como ele chega até lá? Essas são apenas algumas das perguntas que você pode responder nessa divisão de início, lembre-se que é daqui que o personagem ou tema se desenvolverá para o restante da história. 

Ato 2: O grande acontecimento, neste ponto ficam as reviravoltas, os grandes problemas e desafios, as grandes possibilidades, é o momento de dúvidas e certezas, o clímax a grande elevação, a curva na linha criativa. 

Ato 3: A grande resolução, o lugar onde você determina os finais, sua história chega ao ponto onde as coisas podem se resolver ou se enrolar, mas precisam de uma conclusão ou de uma ruptura para continuação – caso opte por escrever mais de um volume. 

Essa técnica apesar de muito utilizada necessita que o escritor estude, no mínimo, a Jornada do Herói. Ela será essencial para dar mais solidez nas escolhas que o escritor fizer para a sua construção narrativa. 

Existem diversos sites e listas, vídeos e técnicas de outline e como você pode começar a se aventurar na técnica. O objetivo é te ajudar a construir uma narrativa forte. 

Mesmo que decida escrever fora de ordem, a técnica te dá segurança para não se perder, você delimitou de onde saiu e para onde vai, assim pode explorar os caminhos, os personagens, as situações, te permite testar métodos de escrita e encontrar o seu estilo narrativo com mais propriedade. 

A tendência atual do mercado editorial revela que os leitores buscam pelo conteúdo. 

É importante trabalhar o conteúdo para que o público comece a indicar a sua obra a outros. O marketing fica ainda melhor quando o autor explora o seu texto sem medo. 
Acredite sempre no seu potencial e siga escrevendo, conte com a UICLAP para te ajudar a realizar o sonho de publicar um livro.

Você Sabe O Que é Outline?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para o topo