Entenda a diferença entre “Mas” e “Mais”!

Quando usar Mais e quando usar Mas.

“Mas” e “Mais” são palavras com grafia e pronúncia parecidas, porém o significado de cada uma é bem diferente da outra. Vamos apresentar essas diferenças e explicar quando usar cada uma delas no dia a dia. Vem com a gente!

Quando usar “Mais”? 

Este é o antônimo de menos, transmite a ideia de quantidade. Em geral, expressa o excesso ou aumento na quantidade de alguma coisa. Apesar de ser mais usado como um advérbio de intensidade, “mais” também pode ser uma conjunção, preposição, pronome indefinido, entre outros, depende do contexto e da ideia expressa na oração em que é inserido 

Exemplos: 

Hoje a sua fala foi a mais grosseira de todas. 

Queria vir mais vezes ao teatro. 

Ele é a pessoa mais inteligente que conheço.

Dica: sempre que tiver dúvida sobre o uso de “mais”, pense em seu antônimo, menos.

Quando usar “Mas”?

Esta é uma conjunção adversativa, transmite a ideia de oposição. Entretanto, “mas” também pode assumir o papel de substantivo, quando associado a algum defeito. 

Exemplo: 

Nem pense em me dar um mas, não tem mas, nem meio mas, você vai à escola! 

“Mas” também pode assumir o papel de advérbio, quando enfatiza alguma situação. 

Exemplo: 

Ele é tão chato, mas tão chato, que ninguém no colégio o suporta. 

Ela é tão organizada, mas tão organizada, que dá medo mexer em suas coisas. 

Como conjunção adversativa, o “mas” é usado quando o locutor vai expressar uma ideia contrária à sua introdução ou à ideia apresentada antes. Possui a mesma ideia de: todavia, contudo, entretanto, entre outros. 

Exemplo: 

Sou tranquilo, mas não aguento festas, me dão ansiedade. 

Vou tentar a prova, mas não gosto de estudar. 

Esse foi fácil, vai?

Anote todas as dicas e siga arrasando na sua escrita. Sabemos que escrever um livro pode parecer desafiador, mas acredite! Você consegue! 

O processo de autopublicação pode demandar mais atenção de sua parte, isso te trará um crescimento único, além da experiência. Não se esqueça que você pode contar com a UICLAP para facilitar o processo de publicação e materializar o seu sonho de ter seu livro impresso! 

Entenda a diferença entre “Mas” e “Mais”!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para o topo