8 dicas para escrever um livro

Então você decidiu escrever um livro? Ser um autor pode mudar a sua vida – sem mencionar a capacidade de impactar milhares (até milhões) de pessoas. Mas escrever um livro não é uma tarefa tão fácil. Lidar com o bloqueio criativo, com a sobrecarga para conciliar todas as atividades, saber costurar bem todas as partes de uma história, entender o processo de escrita… Mas calma! Nosso objetivo aqui neste post é te ajudar nessa missão.

Veja abaixo 8 dicas de para escrever um livro:

1 – Trace uma meta.

Quando não há planejamento ou meta para concluir, pode ser muito difícil concluir seu projeto. É por isso que é importante pensar em como administrará o seu tempo, qual o objetivo da história; depois disso, defina um prazo e uma meta textual. 

A maioria dos romances têm entre 50.000 e 100.000 palavras. Como é mais fácil adicionar palavras do que cortá-las, geralmente é melhor definir sua meta de contagem de palavras abaixo de 75.000 palavras para o seu primeiro rascunho, por exemplo.

Para determinar metas, pense em quantas palavras você pode escrever em um dia. De antemão, ficará bem mais fácil manter a motivação! Sério! E se não conseguir cumprir a meta do dia? Não se cobre demais, reveja seu planejamento e tente cumprir a meta semanal ou mensal que determinar.

2 – Prepare-se antes de escrever.

Alguns escritores apenas se sentam ao teclado para escrever seus livros, sem nenhum plano ou ideia, mas é muito difícil fazer isso sempre. Ao preparar uma sinopse básica, mapa mental ou estrutura de tópicos para suas ideias, você terá algo a que se referir sempre que encontrar um obstáculo enquanto escreve. 

Aqui estão alguns exemplos de como você pode se preparar:

  • Escreva uma sinopse de 1-2 páginas do livro;
  • Crie um esboço de cada personagem;
  • Crie uma linha do tempo para seguir no início de sua história;
  • Crie um mapa mental com as principais ideias. 

Um pouco de preparação pode ajudar bastante a manter o foco e a tarefa enquanto escreve. Da mesma forma, ter todas as suas pesquisas e ideias em um só lugar também pode ser muito benéfico para manter os pensamentos organizados.

3 – Conheça bem seus personagens!

Quanto melhor conhecer seus personagens, mais fácil será a escrita. Conheça seus personagens assim como conheceria um amigo ou parente próximo. Você não precisa escrever todos os detalhes sobre seu personagem na história, mas quanto mais souber sobre ele, mais poderá imaginar novas cenas e desenvolver a história.

4 – Programe tempo para escrever (e escreva!)

Nunca haverá um momento perfeito para escrever. Por isso, definir um tempo é essencial, afinal, esperar pela oportunidade é uma maneira infalível de nunca começar a escrever seu livro.

Programe um horário durante o dia em que você possa escrever, com o mínimo de distrações e se sentar. Tente se desconectar da internet, se puder, e se force a escrever. Contudo, respeite seu tempo! Uma palavra de cada vez!  

5 – Escreva primeiro, edite mais tarde.

Um dos maiores erros que os novos escritores cometem é editar enquanto escrevem, por exemplo. Não se preocupe em aperfeiçoar seu primeiro rascunho – isso pode ser feito na fase de revisão APÓS a conclusão do primeiro manuscrito.

Tente evitar ler o que você acabou de escrever e continue seguindo em frente. Você sempre pode editar frases e cortar cenas ou adicionar cenas posteriormente.

6 – Conecte-se com outras pessoas.

Escrever é um processo solitário! Participar de um grupo de autores e/ou leitores pode dar muito apoio, nesse meio tempo! Seu grupo pode ser um lugar para fazer perguntas e compartilhar dicas e recursos com outras pessoas para mantê-lo motivado.

A Uiclap tem um grupo no Facebook dedicado aos autores. Acesse aqui.

7 – Faça pausas criativas

Escrever é um processo criativo, todavia, ficar sentado, olhando para uma tela não ajuda muito a exercitar os “músculos” criativos.

Tente desenhar, dar um passeio ou levar seu notebook a uma cafeteria ou parque. Sair e fazer algo que te dê inspiração o ajudará bastante a se reenergizar para continuar escrevendo.

8 – A última e melhor de todas as dicas para escrever um livro: NÃO DESISTA!

Você sentirá vontade de desistir inúmeras vezes. Em suma, persistência e diligência são fundamentais para finalizar seu livro. Fique atento ao seu prazo e objetivos, pesquise bastante e se divirta no processo. Você consegue!

Você tem algumas dicas para escrever um livro? Então compartilhe com a gente na seção de comentários abaixo. 😊

Ah, e se você já passou de fase e terminou de escrever seu livro, saiba como publicá-lo gratuitamente aqui na Uiclap.

8 dicas para escrever um livro

15 pensou em “8 dicas para escrever um livro

  1. Tenho uma coletânea de textos variados,alguns pequena história, a maioria textos que inspiraram em minha vida.gostaria muito poder publicar,mas não sei o que fazer.Se puderem me orientar ficarei grata e quem sabe publicar.Preciso de ajuda

    Obrigada

  2. Boa noite
    É muito bom saber, que tem pessoas como vocês se preocupando com aqueles que escrevem. Eu tenho aproximados uma enorme quantidade de poemas desde 1981 até hoje, com a intenção de publicá-los. Posso contar com vocês para realizar um dos meus sonhos.

  3. Tenho um romance escrito, já
    Foi até avaliado por uma editora, mas não tenho o valor que eles cobraram, para publicar. Gostaria muito de ver meu livro publicado.

    1. Olá Michele, tudo bem?

      Para publicar aqui na UICLAP você precisa ter o arquivo pdf do miolo do seu livro e, com as informações fornecidas pela plataforma, montar o arquivo da sua capa. Com esses 2 arquivos você já consegue publicar com a gente.

      Acredito que a melhor forma de você obter todas as informações que precisa nesse momento é dando uma olhadinha nos links abaixo. Eles explicam como funciona todo o nosso processo de publicação:

      > FAQ com perguntas mais frequentes e informações mais importantes: https://uiclap.freshdesk.com/
      > Tutorial de como usar a plataforma: https://www.youtube.com/watch?v=1_LYP3JSM9I

      Depois, se ficar com alguma dúvida, volte a falar com a gente sempre que quiser.

  4. ADOREI A MENSAGEM QUE TIVE COMO RESPOSTA.VOU ME ESFORÇAR BASTANTE ,COMECEI A ESCREVER NUM CADERNO POR SER LEIGA NO ASSUNTO AGORA, COM A AJUDA DE VOCÊS QUE COM CERTEZA FOI O PONTAPÉ INICIAL E UM BOM COMEÇO.VOU RESUMIR Ó UM POUQUINHO.DE IDAS E VINDAS,CAIR E LEVANTAR ACABEI QUE FICANDO QUASE 25 ANOS NA CRACOLANDIA.TINHA 23 ANOS HOJE ESTOU COM 51,COMO PODEM VER MINHA VIDA DÁ UM LIVRO MESMO.COLOQUEI COMO ÍTULO :A CASA É ROSA MAS NEM TUDO SÃO FLORES.CASA ROSA PORQUê FOI POR ONDE PASSEI PARA ME RECUPERAR.NO LIVRO QUERO DETALHAR TODA A MINHA TRAGETÓRIA NA CRACOLANDIA DESDE O COMEÇO .CONTO COM A AJUDA DE TODOS VOCêS.BEIJOS

  5. Quero parabenizar pelo projeto, visão e missão da UICLAP, e por toda a dedicação em cada detalhe compartilhado na plataforma, sem falar da excelente atenção e disposição em ajudar sempre que pedimos “socorro” no contato via email.

    Estou adorando a experiência de publicar o meu livro 3, com vocês.
    Tentarei publicar meu livro 2, porém como ele possui muitas imagens e cores, terei que adaptar a metodologia vivencial para preto e branco, e testar se fica viável!
    No entanto, outros livros virão em breve, cada um no seu devido tempo.

    Parabéns a toda a equipe.

    Gratidão por toda a atenção recebida.

    1. Oi Karinne,
      Muito obrigada pelo feedback, bom saber que estamos no caminho certo!
      Desejamos muito sucesso a você e seus livros. 😊

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para o topo