Quando Devo Usar Este, Esse e Seus Semelhantes?

Quando Devo Usar Este e Esse

Parece complicado, mas fizemos um artigo especial para te mostrar como é fácil aplicar o uso no dia a dia, assim você vai deixar a sua escrita ainda melhor! Vem com a gente!

Em termos simples, pronome é a palavra que substitui ou acompanha um substantivo. Quando ela acompanha, precisa determinar esse substantivo em seu contexto e espaço, como é o caso dos pronomes demonstrativos. 

Pronomes demonstrativos são aqueles que demonstram alguma coisa, como o nome bem diz. Eles também indicam o vínculo entre o sujeito (pessoa ou objeto da frase) e a distância daquilo a que faz referência.

Resumindo: marca a distância (e a relação) da pessoa que fala em relação ao objeto ou pessoa da qual se fala.

Quando devo usar Este? 

De duas formas: uma em relação à localização e outra referente a tempo. 

Para localização: “Este” é usado quando a referência é espacial (não é espaço em relação ao universo, viu? É espaço de distância). 🤓 Quando a referência de espaço for ao advérbio Aqui, usamos os pronomes com a letra T imposta: este, esta, deste, disto, nisto. 

Para tempo: Assim como para localização “este” refere-se ao que está aqui, para tempo “este” é usado no presente, no agora. Ele aparece muito em frases com pronomes em primeira pessoa, como eu, mim, comigo.  

Este também faz referência a algum tema que será abordado em um texto ou discurso que acontece no presente. 

Exemplos: 

  • Este é meu carro. (O carro está aqui)
  • Este é o ano da formatura. (Agora/Presente)
  • Neste discurso vou falar com os senhores sobre a literatura como um campo vasto de estudos. (Aqui no discurso/Agora no discurso) 

Quando Devo Usar Esse? 

Esse é usado no pronome demonstrativo ligado à 2ª pessoa, fala de algo ou alguém relativamente próximo. Ele geralmente aparece com o advérbio “Aí” e acompanha os pronomes, como tu, vocês, contigo, vocês

Também é usado para se referir a um assunto que já passou, ou a um trecho já citado do discurso ou texto em curso. 

Exemplos: 

  • Esse carro aí é o seu? (O carro perto de quem ouve/ Aí). 
  • Nesse dia, trouxemos a vovó para casa. (No dia mencionado pela segunda pessoa)

Usos especiais: 

É preciso falar do uso de “esse” ou “este” também quando falamos dos pronomes “aquele”, “aquela” ou “aquilo”

Sim, apesar de “aquele/aquela/aquilo” se referir ao que está mais distante, eles podem aparecer em sequência numa mesma frase. 

Exemplo: 

  • Pedro e João assistiram ao curso igualmente. Este porque quer passar de ano e aquele por que vai prestar vestibular.

Para falar do exemplo acima, precisamos nos lembrar das regrinhas já abordadas. “Este” está ligado a Pedro, e logo em sequência se fala de João, ou “aquele”. Dessa construção frasal entendemos que Pedro é mais próximo do que João. 

Basta não esquecer a noção de tempo e proximidade (localização), bem como o uso para 1ª e 2ª pessoa, e tudo dará muito certo! 

A autopublicação exige dedicação, mas não precisa ser difícil, e a gente está aqui para te mostrar algumas regras gramaticais que irão te ajudar a escrever melhor, e te auxiliar em todos os passos necessários para a sua publicação. 

Escrever um livro deve ser uma jornada também de aprendizado, e você pode contar com a UICLAP durante todo o percurso, inclusive na materialização do seu sonho: a publicação do seu livro!

Quando Devo Usar Este, Esse e Seus Semelhantes?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para o topo