200 Anos Do Nosso Café

200 ANOS DO NOSSO CAFÉ

Autores: FRANCISCO MARCÍLIO DE ALMEIDA FARIASFRANCISCO MARCÉLIO DE ALMEIDA FARIAS

Saiba mais sobre o(a) autor(a): uiclap.bio/marciliofarias

É com satisfação que apresentamos mais uma obra publicada com o apoio da Editora UICLAP. Nesse livro contamos a história da cultura cafeeira serrana, iniciada a partir da bravura histórica da família Queiroz-Barreira e Caracas, por seus pares destemidos no pioneirismo da cultura cafeeira cearense.

O livro inicia contando a história do surgimento do café, suas espécies e variedades, sua descoberta e expansão pelo Mundo, a chegada ao Brasil, ao Ceará e às áreas serranas do Maciço de Baturité.

Demostramos as formas de plantios, o beneficiamento da produção, as exportações do Ceará, o pioneirismo em Guaramiranga nos sítios Munguaípe e Macapá, sua difusão nas áreas úmidas do Maciço de Baturité e em outras serras cearenses.

O livro foi dividido em treze capítulos para facilitar a leitura sequencial e uma compreensão adequada dos fatos.

O texto é acompanhado com dados estatísticos, fotos do contexto e de narrações populares além de citações de outras obras.

Também colocamos a produção cafeeira em um âmbito contrastante com as necessidades da preservação ambiental, com a possibilidade da coexistência dentro dos conceitos oriundos da criação e essência da APA do Maciço de Baturité.

O ressurgimento da cultura diante de novos horizontes, de uma renascença cafeeira com um novo enfoque sustentável, economicamente viável e atrelado ao ecoturismo serrano.

Enfatizamos a necessidade de uma certificação de origem e de um selo de controle de qualidade do nosso café serrano, além da necessidade de estar sempre atrelada a variedade arbórea pioneira, com sistemas inovadores desde o plantio, o processo de produção, os métodos ecológicos e sociais aceitáveis, embalagem e exposição adequadas em prateleira de pronto consumo.

O conteúdo é enriquecido com informações dos trabalhos de pesquisas publicados por entidades como Fundação Cepema, IFCE, Universidade Federal do Ceará, EMBRAPA e em outras obras.

Ao final falamos sobre o belíssimo movimento do café ecológico proporcionado pelos atuais cafeicultores e o apoio incansável da SEBRAE em sua missão da renascença de nosso café serrano e na luta para conquista do sonhado selo de indicação regional do singular café arábico, typica sombreado, das áreas serranas do Maciços de Baturité

200 ANOS DO NOSSO CAFÉ

Este livro tem o propósito de contar de forma simples e breve toda história da cultura cafeeira serrana.

200 Anos Do Nosso Café

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para o topo